Os Coronavírus subiram na vida, bebê!!!

imagem

Semana passada o governo Americano declarou que o novo coronavírus, capaz de causar a Síndrome Respiratória do Oriente Médio, na qual os pacientes apresentam febre, tosse e dificuldade para respirar, tem o potencial de causar uma situação de emergência no país. Essa declaração foi feita como um alerta para o aumento do numero de casos e como uma tentativa de acelerar os testes para o diagnóstico dessa nova doença. 

E por que essa preocupação toda, Dotô?

O primeiro caso dessa nova doença ocorreu em setembro do ano passado e até sexta passada (07/06/2013) já se contabilizavam 55 casos em oito países (Tabela 1) com 31 mortes. A maioria dos casos ocorreram este ano, demonstrando que estamos lidando com um vírus com o potencial de se dispersar e de causar mortespor todo o mundo. Você pode achar meu caro paciente, que 55 casos são poucos, e que a Dengue e o Influenza podem afetar mais pessoas em um dia, do que esse vírus em 8 meses. Vocês estão certos, mas, mesmo assim, devemos nos preocupar com essa doença emergente, já que existe a possibilidade dela se espalhar por todo o planeta.  Além disso, um primo desse vírus, o SARS-Coronavírus, causou uma pandemia em 2003, fazendo com que as autoridades ficassem alertas para o aparecimento de algum coronavírus que apresentasse um potencial semelhante.

Tabela 1: Total de casos e mortes pela Síndrome Respiratória do Oriente Médio.

Países

Casos (Mortes)

França 2 (1)
Itália 3 (0)
Jordânia 2 (2)
Qatar 2 (0)
Arábia Saudita 40 (25)
Tunísia 2 (0)
Reino Unido (UK) 3 (2)
Emirados Arabes (UAE) 1 (1)
Total 55 (31)

Mas, de onde vem esse vírus?

A maioria dos casos notificados tem relação com indivíduos que apresentam histórico de viagem para península Arábica ou então de pessoas que tiveram contato com pacientes que viajaram para essa região, demonstrando uma possível transmissão direta (pessoa-pessoa) realizada pelo vírus, o que não era encontrado nos coronavírus. A maioria dos casos se concentram na Arábia Saudita, mas a fonte da infecção ainda não foi identificada. O novo coronavírus é similar àqueles encontrados em morcegos, existindo a possibilidade de que esse vírus tenha sido transmitido do morcego para o homem e que, agora, ele consiga ser transmitido diretamente entre os seres humanos, sem a participação dos morcegos neste novo ciclo.

“Dotô, e porque chamam esse vírus de “emergente”? É porque ele está saindo da Arábia saudita para a Europa? Tipo a Luisa Marilac que foi tomar uns bons drink nasoropá?”

Quase isso. O fato desse vírus estar se espalhando entre diferentes países é um dos fatores pelo qual ele é considerado emergente. Outros fatores também o definem como um vírus emergente, como o fato de se tratar de uma nova espécie de coronavírus, de ocorrer um aumento no numero de casos, além de se tratar de um problema de saúde pública. Abaixo vocês encontram a definição de doenças emergentes, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS):

“Doenças infecciosas emergentes são aquelas que só recentemente tenham sido identificadas e, assim, não eram previamente conhecidas; em adição, estas doenças devem se apresentar como um problema de saúde pública,seja local ou internacionalmente.” (OMS)

O Dotô está de olho nesse novo coronavírus e em todas as viroses emergentes desse mundão de Meu Deus. Lembrando que não existe até o momento nenhuma restrição para quem precisa viajar para península Arábica. Agora é a minha vez de tomar umas uns bons drink e curtir uma piscina maravilhosa …

 

GLOSSÁRIO

Coronavírus: Eles são vírus comuns que a maioria das pessoas entra em contato durante sua vida. Esses vírus geralmente causam doenças do trato respiratório superior, leves ou m oderadas. Os coronavírus também podem infectar outros animais.

SARS-Coronavírus: é o vírus responsável pela Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), mundialmente conhecida como SARS (Severe Acute Respiratory Syndrome), que é uma doença respiratória grave.

Transmissão direta: quando um individuo recebe o vírus diretamente da pessoa infectada (tosse, contato com secreções, relações sexuais …)